Os Tripes do Brasil
Identificação, Informações, Novidades

Enneothrips fuscus

Enneothrips fuscus Hood, 1954: 209.

Referência original: Hood JD (1954) Brasilian Thysanoptera V. Proceedings of the Biological Society of Washington 67: 195–214.

 

Família

Thripidae, Thripinae

 

Informações sobre nomenclatura

http://thrips.info/wiki/Enneothrips_fuscus

 

Diagnose

Espécie não estudada no presente trabalho. Corpo de coloração castanha, com os segmentos antenais III–V majoritariamente amarelos. Metanoto com reticulação equiangular apresentando marcas internas. Tergito V lateralmente com cerca de 20 estrias transversais com numerosas microtríquias.

 

Macho não estudado.

 

Variação intraespecífica

Sem registro.

 

Informações do gênero e espécies similares

Este gênero neotropical é composto por cinco espécies, todas com antenas com nove segmentos e placa porosa dos machos localizada na área antecostal do esternito abdominal III. Outra espécie registrada no Brasil, E. flavens, pode ser distinguida de E. fuscus por não possuir marcas internas na reticulação do metanoto e pela antena ser completamente castanha.

 

Distribuição no mundo

Registrada apenas no Brasil.

 

Distribuição no Brasil*

Pará.

*Dados da literatura e dos autores

 

História de vida

Coletada originalmente de folhas e galhos mortos, mas provavelmente vive em folhas.

 

Importância econômica

Sem registro.

 

Referências sugeridas

Mound LA & Marullo R (1996) The Thrips of Central and South America: An Introduction. Memoirs on Entomology, International 6: 1–488.


Publicado em: 28/12/2016
Postado por: Adriano

Galeria de fotos:

Atendimento


Brasil, Rio Grande do Sul, Rio Grande

Campus Carreiros: Av. Itália km 8

Bairro Carreiros



(51) 9812-37076


cavalleri_adriano@yahoo.com.br

Curta nossa Fan Page

Thysanoptera © Todos Direitos Reservados 2022

Facebook Instagram Linkedin

Hostche - Criação de Sites